segunda-feira, 22 de junho de 2009

COISAS LOUCAS DA VIDA

...

DIREITO DE FUMAR




Querem tesourar o meu direito de fumar

Tabaco minha sina fumo em qualquer lugar

Você me sensurando tape a respiração

Cuidado com o enfarto ou o cancer no pulmão

Quero fumar em paz, sentir o meu prazer

Tossindo e escarrando encurto o meu viver

Acendo meu cigarro, poluindo ao meu redor

Com tosses e escarros a vida é bem melhor

Nicotina sempre no meu sangue a fervilhar

A minha vida é curta com o cigarro ainda mais

Estou cagando um monte se você aprova ou não

Fumo na sua casa,na igreja ou no caixão.
...
RDP
...


FLAMENGO 4 x 0 INTERNACIONAL



Que campeonato mais louco!!! Como o futebol é louco!!! Como pode um time que tomou de cinco do lanterna do campeonato meter quatro no dito melhor time do país? Pois isto aconteceu, leia a reportagem copiada do Globo.com:


"O Flamengo superou em parte a crise de relacionamento, as falhas constantes da defesa e as últimas derrotas traumáticas no Campeonato Brasileiro, para Sport (4 a 2) e Coritiba (5 a 0), e goleou o Internacional por 4 a 0, neste domingo, no Maracanã. Em noite de Adriano, que marcou três vezes e pareceu bem mais em forma, o time rubro-negro mostrou uma atitude bem diferente das últimas apresentações no Brasileiro e acabou com a invencibilidade do Colorado na competição. Emerson completou o placar. O resultado dá fôlego ao técnico Cuca, que chegou a ter o cargo ameaçado durante a semana.

Na arquibancada, antes da partida, os torcedores aproveitaram para cobrar um bom desempenho contra o Colorado, que entrou em campo com cinco desfalques (o zagueiro Bolivar, o meia D´Alessandro e o atacante Taison, machucados, e o lateral-esquerdo Kleber e o atacante Nilmar, ambos na seleção brasileira). Faixas com os dizeres "O Flamengo é maior do que tudo e todos" e "Diretoria e jogadores respeitem a a nação" foram exibidas no Maracanã.


O Flamengo aproveitou o excesso de desfalques do Internacional para impor o seu ritmo de jogo no início da partida. Aos 12, Ibson fez um belo lançamento para Adriano, que invadiu a área completamente livre. O Imperador olhou a posição do goleiro Lauro e deu um leve toque para encobrir o arqueiro e marcar o primeiro do Rubro-Negro. O Inter teve uma boa chance aos 17. Sandro arriscou de fora da área e Bruno fez a defesa.


Aos 35, o Flamengo marcou um belo gol. Léo Moura avançou pelo lado direito e cruzou para Ibson. De forma inteligente, o meia ajeitou de calcanhar e a bola chegou aos pés de Emerson. Com tranquilidade, o atacante chutou para ampliar. O Inter quase diminuiu com Bolaños. Aos 44, o equatoriano recebeu no bico da grande área e tentou encobrir o goleiro Bruno. A bola foi para fora.

Dois minutos depois, o Flamengo fez o terceiro. Adriano cobrou falta com categoria no canto esquerdo de Lauro e ampliou o marcador.


Aos 20, Léo Moura entrou na área e foi derrubado por Gleidson. O lance acabou causando uma divergência entre dois jogadores: Juan e Adriano, que queriam fazer a cobrança do pênalti. No fim das contas, Adriano pegou a bola e foi para a batida. A indefinição revoltou alguns jogadores, principalmente Ibson, que tentou mediar a situação.

Finalmente, aos 22, Adriano cobrou e marcou o quarto gol do Flamengo. Ibson sequer foi comemorar com os companheiros. Após o reinício da partida, o volante ainda discutiu com Adriano e Emerson. Aos 38, o torcedor rubro-negro finalmente reencontrou o ídolo Petkovic. No fim, aplausos e vibração com o show de Adriano."


Clique na imagem acima e veja os melhores momentos... Depois eu falo sobre o "Direito de fumar", se eu ainda estiver vivo , é claro!!!


Fui!!! Um abraço!!!

Um comentário:

  1. ola mim chamo brenda !
    eu siguo o teu blo segue o meu !
    Htt://loucaspeloexaltasamba.blogspot.com

    ResponderExcluir

COMENTE, DEIXE SUA OPINIÃO