quinta-feira, 20 de setembro de 2012

SERIA POSSÍVEL EDUCAR SEM BATER?



A DURA TAREFA DE EDUCAR NOSSOS FILHOS

Estive publicando nos últimos dias uma série de postagens sobre não bater nos filhos. Eu sou contra bater. Mas 99,99% dos pais (e filhos que apanham) são a favor. Inclusive eu não tenho nenhuma mágoa da minha mãe por ter me dado uns tabefes quando criança. E não conheço ninguém que tenha essa mágoa. Mas como tudo tem exceção existe um grupo sim de revoltados com a violência doméstica. Crianças fogem de casa. E eu no meu caso tenho mágoa do meu pai, que baixava o cacete mesmo por qualquer besteira. E mesmo não batendo nos meus filhos, a mãe deles os educa da maneira que ela aprendeu. Castigos físicos sim, mas sem violência excessiva. E até eu já dei uns tabefes no meu filho e publiquei aqui no Blog. E ele sabe que se me desafiar apanha de novo. Então eu sou um hipócrita. Se eu digo que sou contra bater como eu posso admitir bater no próprio filho?

É que na vida a humildade é uma coisa primordial. Sem humildade é impossível evoluir. E pelos comentários recebidos nas postagens que eu divulguei, colhi ideias e opiniões interessantes sobre o tema. Então estou convencido que é muito complicado educar sem bater na cultura que nos foi imposta. Todos batem e a pregação de liberdade acaba dando liberdade demais para as crianças. Elas têm muita informação. E esta lei da palmada vai acabar cerceando o direito dos pais educarem os filhos. Se o governo não dá nem escola como vai ditar algum método de educação? Nos comentários eu sempre relatei que esta lei é inútil. (Lei da Palmada) Mas falei também da importância do tema ser levantado. Somente através desta lei que pais começaram a pensar nos limites do uso da violência na educação dos filhos. Com certeza quem leu a postagem A LEI DA PALMADA (não perca tempo e leia também clicando no link) vai refletir um pouco mais sobre o assunto. Pois é uma postagem um pouco agressiva. Tipo uma imposição de ideias. Fiz de propósito, pois queria justamente isto que aconteceu: comentários contrários com conteúdos relevantes. Não acredito em nenhuma conspiração, mas acredito que com certeza a ideia da lei foi uma imbecilidade. Assim como a lei seca, a lei das sacolas plásticas, a lei da obrigatoriedade da educação integral e outras besteiras que vemos por aí. Mas foi preciso!

Na minha cabeça isto acontece pela maneira como o mundo está estruturado. Como o mundo está corrompido culturalmente. “Se todas as crianças da rua apanham, por que eu não apanho?” Passa pela cabeça da criança. “Se eu fui criado na palmada por que não posso dar umas chineladas de leve no meu filho?” Pensa os pais. Dentro deste contexto o mais importante é a educação. Independente da forma. Como sempre comento aqui, minha opinião não é absoluta, ela pode mudar. Não estou dizendo que mudei de opinião, mas entendi por que as pessoas não aceitam um tipo de educação que pode não dar certo. Sentem medo! Por isto preferem continuar dando umas chineladas nas crianças. E a minha atitude de admitir pro meu filho que não bato nele, mas se ele der mole leva uns tabefes, vem também do meu medo. Mesmo sendo contra eu admito bater. Como falei a cultura sempre foi bater. Assim como ninguém admite a inexistência de deuses. Culturalmente sempre se acreditou em deuses. O mesmo acontece na educação. Está inclusive na bíblia.

Por isto meu amigo, sou a favor de você continuar com o seu método de educação. Mas aconselho você a ler um pouco outras formas de educação. Pois pais perdem o controle e acabam violentando os filhos de forma exagerada por não conhecer métodos alternativos. Não sou especialista no assunto, mas ao menos tenho opinião. E continuo sendo contra bater em crianças! Leia os comentários da postagem A LEI DA PALMADA e entenda um pouco o que estou dizendo.

Fui! Um abraço!

Seria bom ler também:










Crédito da imagem:


4 comentários:

  1. pra falar a verdade hoje tenho 33analizando o que passei na infancia e adolescencia acho q e certo sim bater em alguns momentos de todas as veses q apanhei d meus pais hj olhando pra tras sei que realmente mereci levar umas palmads agora o governo deveria dar ao povo melhorias na saude segurança e nao querer intervir se deve ou nao um pai dar umas palmadas nos ffilhos notem que hj nas classe media e alta pelo simples fato d os pais na estarem tao ppresentes na vida dos filhos dar um presente ao inves de corrigir a maioria dos jovens da classe media se envolvem em crimes sera que se em algum momento seus pais ao inves d dar um presente tivessem dado umas boas palmadas eles seriam diferentes????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comentário interessante amigo! Sou obrigado a concordar com você em partes, pois discordo que a maioria dos jovens das classes alta e média se envolvem em crimes. A maioria dos que praticam crimes está na classe baixa, miseráveis que nunca tiveram oportunidades. São estas oportunidades que o governo deveria proporcionar aos jovens para contribuir com a educação. Ouça a música 12 de Outubro dos Racionais e entenda o que estou falando. Abraços e obrigado pelo comentário!

      Excluir
  2. Hi,
    its really nice post. i apprentice for your post. thanks for shearing it with us. keep it up.
    Buy Pinterest Followers

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hi my friend! I’m really happy with your comment. I hope you can back. The site http://www.buymorepinterestfollowers.com is very Nice. I liked a lot! Hugs!

      Excluir

COMENTE, DEIXE SUA OPINIÃO